Eu não tô nem ai para o que voces falam de mim ok...
Eu só sei eh que voces morrem de inveja de mim!!!!
Burning In Hell...........

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

De que arvore voce caiu???

Vi isso em um email e agora estou postando para vcs verem....e bem legal!!!!
Eu tirei do site sua mente.com.br


Busque o dia do seu aniversário e encontre sua árvore, uma vez
localizado busque abaixo a explicação sobre o mesmo.
É interessante e de alguma maneira preciso. Além do mais, faz parte da
astrologia Celta.
Quando souber a que árvore pertence, ponha o nome de sua árvore acima
no ‘Assunto’ e envie para seus amigos.
23 de Dezembro até 01 de Janeiro – Árvore de Maçã
02 de Janeiro até 11 de Janeiro – Árvore de Abeto
12 de Janeiro até 24 de Janeiro – Árvore de Olmo
25 de Janeiro até 03 de Fevereiro – Cipreste
04 de Fevereiro até 08 de Fevereiro – Álamo
09 de Fevereiro até 18 de Fevereiro – Cedro
19 de Fevereiro até 28 de Fevereiro – Pinheiro
01 de Março até 10 de Março – Sauce Llorón – Salgueiro Chorão
11 de Março até 20 de Março – Árvore de Limas
21 de Março – Carvalho
22 de Março até 31 de Março – Árvore de Avelã
01 de Abril até 10 de Abril – Árvore Rowan
11 de Abril até 20 de Abril – Árvore de Arce
21 de Abril até 30 de Abril – Nogueira
01 de Maio até 14 de Maio – Álamo
15 de Maio até 24 de Maio – Árvore de Castanhas
25 de Maio até 03 de Junho – Árvore de Cinzas
04 de Junho até 13 de Junho – Árvore Hornbeam
14 de Junho até 23 de Junho – Figueira
24 de Junho – Árvore de Abedul
25 de Junho até 04 de Julho – Árvore de Maçã
05 de Julho até 14 de Julho – Árvore de Abeto
15 de Julho até 25 de Julho – Árvore de Olmo
26 de Julho até 04 de Agosto – Cipreste
05 de Agosto até 13 de Agosto – álamo
14 de Agosto até 23 de Agosto – Cedro
24 de Agosto até 02 de Setembro – Pinheiro
03 de Setembro até 12 de Setembro – O Sauce Llorón – Salgueiro Chorão
13 de Setembro até 22 de Setembro – Árvore de Limas
23 de Setembro – Oliveira
24 de Setembro até 03 de Outubro – Árvore de Avelã
04 de Outubro até 13 de Outubro – Árvore de Rowan
14 de Outubro até 23 de Outubro – Árvore de Arce
24 de Outubro até 11 de Novembro – Nogueira
12 de Novembro até 21 de Novembro – Árvore de Castanhas
22 de Novembro até 01 de Dezembro – Árvore de Cinzas
02 de Dezembro até 11 de Dezembro – Árvore Hornbeam
12 de Dezembro até 21 de Dezembro – Figueira
22 de Dezembro – Árvore de Faia
ÁLAMO (A Incerteza)
É uma pessoa com um alto sentido de estética, não é muito segura de si
mesma, valente se for necessário, precisa está em um ambiente
agradável, é muito seletiva, as vezes solitária, muito alegre, de
natureza artística, boa organizadora, tenta aprender através da
filosofia, confiável em qualquer situação, assume as relações muito
seriamente.
ÁRVORE DE ABEDUL (A Inspiração)
Uma pessoa vigorosa atrativa, elegante, amistosa, não é pretensiosa, é
modesta, não gosta de excessos, se aborrece com coisas vulgares, ama
a vida a natureza e a calma, não é muito apaixonada, cheia de
imaginação, um pouco ambiciosa, acredita numa atmosfera de calma e
satisfação.
ÁRVORE DE ABETO (O Mistério)
É um pessoa de extraordinário bom gosto, dignidade, sofisticada, ama a
beleza, temperamental, teimosa, tende para o egoísmo mas se preocupa
com as pessoas que estão ao seu redor, é modesta, muito ambiciosa de
muitos talentos, criativa, amante insatisfeita, de muitos amigos e
inimigos, muito confiável.
ÁRVORE DE ARCE (A Mente Aberta)
Uma pessoa fora do comum , cheia de imaginação e originalidade, tímida
e reservada, ambiciosa, orgulhosa, segura de si mesma, com sede de
novas experiências, algumas vezes nervosas, tem muitas complexidades,
possui boa memória, aprende rapidamente, com uma vida amorosa
complicada, gosta de impressionar. Deve buscar ter uma relação seria
que encha sua vida, isso lhe fará feliz.
ÁRVORE DE AVELÃ (O Extraordinário)
É uma pessoa encantadora, não pede nada, muito compreensiva, sabe como
impressionar as pessoas, é uma pessoa segura, mente aberta,
positivista, ativa na luta por causas sociais, popular, temperamental
e amante caprichoso, sensual e excessivamente apaixonado, belo,
sensível, honesto e companheiro tolerante, com um sentido de justiça
muito preciso.
A OLIVEIRA (A Sabedoria)
Ama o sol, de sentimentos quentes e ternos, razoável é uma pessoa
equilibrada, evita agressão e a violência, tolerante, alegre, calma,
tem um sentido desenvolvido para a justiça, sensível, empática, não
conhece os ciúmes, lhe encanta a leitura e a companhia de pessoas
sofisticadas.
A NOGUEIRA (A Paixão)
Implacável, é uma pessoa estranha e cheia de contrastes, não é
egoísta, agressiva quando precisa, amorosa, nobre, de horizontes
amplos, de reações inesperadas, espontânea, de ambição sem limites,
pouco flexível, é uma companhia pouco comum, nem sempre agrada mas é
admirável, comum gênio estratégico, muito zelosa e apaixonada, não se
compromete se não conhece.
A FIGUEIRA (A Sensibilidade)
Muito forte, é uma pessoa pouco voluntariosa, independente, não
permite as contradições ou discussões, ama a vida, sua família, as
crianças e os animais, um pouco volátil socialmente, bom sentido do
humor, tímida mas um pouco extrovertida. Gosta da ociosidade e da
preguiça tem um talento pratico e inteligência. Pessoa muito sensual e
atrativa ao sexo oposto. Grande elegância e porte.
ÁRVORE DE CASTANHAS (A Honestidade)
De beleza incomum, não deseja impressionar, com um desenvolvido
sentido de justiça, vigorosa é uma pessoa interessada, diplomática de
nascimento, se irrita facilmente e é sensível com companhia, muitas
vezes por insegurança em si mesma, as vezes atua com sentido de
superioridade, se sente incompreendida, ama uma só vez, tem
dificuldades para encontrar seu parceiro.
ÁRVORE DE CINZAS (A Ambição)
É uma pessoa excepcionalmente atrativa, vigorosa , impulsiva,
exigente, não se importa com as criticas, ambiciosa, inteligente,
cheia de talentos, gosta de jogar com o destino, pode ser egoísta,
muito confiável e digna de confiança, amante fiel e prudente, algumas
vezes o cérebro controla o coração, mas assume suas relações muito
seriamente.
ÁRVORE DE FAIA (A Criatividade)
Tem bom gosto, se preocupa com as aparências, materialista, organiza
bem sua vida e sua carreira, é uma pessoa econômica, bom líder, não
toma riscos desnecessários, é razoável, esplendida companheira de
vida, gosta de manter a linha (dieta, esportes, etc).
ÁRVORE HORNBEAM (O Bom Gosto)
De uma beleza muito franca, se preocupa por sua aparência e sua
condição econômica, de bom gosto, não é egoísta , vive de forma mais
cômoda possível de maneira razoável e disciplinada, busca bondade e
conhecimento em uma parceira emotiva, sonha com amantes incomum, aos
poucos é feliz com seus sentimentos, desconfia da maioria das pessoas,
nunca está segura de suas decisões, muito consciente.
ÁRVORE DE LIMAS (A Dúvida)
Aceita o que a vida lhe dá de uma maneira muito complexa, odeia
brigar, o estresse, e o trabalho, mas não gosta de preguiça e da
ociosidade, é suave e sabe ceder, faz sacrifícios pelos amigos, tem
muito talento, mas não o suficiente tenaz para explorá-los, se lamenta
e se queixa um pouco, é uma pessoa muito zelosa e leal.
ÁRVORE DE MAÇÃ (O Amor)
De contexto leviana, muito carismática, é uma pessoa chamativa e
atrativa, de uma aura agradável, aventureira, sensível, sempre
apaixonada, quer amar e ser amada, companheira fiel e terna, muito
generosa, de talentos específicos, vive o dia a dia, filosofa
despreocupada com imaginação. Totalmente distraída.
ARVORE DE OLMO ( A Mentalidade Nobre)
Figura agradável, bom gosto em se vestir, de exigências modestas,
tende a não esquecer os erros, alegre, gosta de mandar porém não
obedece, é uma companhia honesta e fiel, gosta de tomar decisões pelos
demais, de mentalidade nobre, generosa, com bom humor, prática.
ÁRVORE ROWAN (A Sensibilidade)
Cheia de encantos, alegre, da sem expectativas de receber, gosta de
chamar atenção, ama a vida, as emoções, não descansa, e inclusive
gosta das complicações, é tanto dependente como independente, tem bom
gosto, é uma pessoa artística, apaixonada, emocional, boa companhia,
não esquece.
O CEDRO (A Confiança)
De uma beleza estranha, sabe se adaptar, gosto do luxo, de boa saúde,
não é uma pessoa tímida, não gosta de ver muitas pessoas, é segura de
si, tem determinação, impaciente, gosta de impressionar os outros, tem
muitos talentos, criativa, saudavelmente otimista, e vive na espera do
único e verdadeiro amor, capaz de tomar decisões rapidamente.
O CIPRESTE (A Felicidade)
Forte, adaptável, toma o que a vida tem para dar, é uma pessoa
satisfeita, otimista, aspira dinheiro e reconhecimento, odeia a
solidão, é uma companhia apaixonada e sempre insatisfeita, fiel, se
altera facilmente, não é dócil, e desinteressada.
O PINHEIRO (O Particular)
Encanta a companhia agradável, é uma pessoa muito robusta, sabe fazer
sua vida algo confortável, muito ativa, natural, boa companhia mas nem
sempre amistosa, se apaixona facilmente mas sua paixão se apaga em
pouco tempo, se rende facilmente, se decepciona de todo até que
encontra seu ideal, é de confiança e de caráter prático.
O ROBLE (A Valentia)
É uma pessoa robusta da natureza, valente, forte, implacável,
independente, sensível, não gosta de mudanças, mantém seus pés no chão
e gosta de ação.
O SAUCE LLORÓN – SALGUEIRO CHORÃO (A Melancolia)
Uma pessoa bela mas melancólica, atrativa, muito empática, ama as
coisas belas e tem bom gosto, ama viajar, sonhadora sem descanso,
caprichosa, honesta, pode ser influenciada mas é difícil para
conviver, exigente, perfecionista, boa intuição, sofre no amor mas as
vezes encontra apoio em sua companhia. Por ser um gênio estratégico as
vezes gosta de mentir, é bastante amigável.

domingo, 30 de janeiro de 2011

Como pintar o cabelo com violeta genciana

Bom hoje eu resolvi postar aki como pintar os cablos com violeta genciana...
Na internet logicamente possui milhões de tutoriais de como fazer...mas vou postar e dar a minha opinião...
Voce vai precisar de um creme de fazer massagem brano...sim,tem q ser branco senão altera a cor
A violeta q se encontra na farmacia e custa R$1,50.
Agora vc vai misturar a violeta no creme a proporçao q vc quer a cor do cabelo...
Depois passe no cabelo e deixe uns 45 minutos.

Bom eh so isso mas tem pessoas q tem o cabelo escuro como e o caso do meu...então so vai aparecer no sol...mas se vc tem o cabelo loiro ow tem coragem de descolorir ai sim vai ficar bem roxo!!!!

As fotos q vou postar não são minhas ok!!!!!
foto tirada do fotolog.com

Solitário


Como um fantasma que se refugia
Na solidão da natureza morta,
Por trás dos ermos túmulos, um dia,
Eu fui refugiar-me à tua porta!

Fazia frio e o frio que fazia

Não era esse que a carne nos contorta...
Cortava assim como em carniçaria
O aço das facas incisivas corta!

Mas tu não vieste ver minha Desgraça!

E eu saí, como quem tudo repele,
-- Velho caixão a carregar destroços --

Levando apenas na tumba carcaça

O pergaminho singular da pele
E o chocalho fatídico dos ossos!
 

                      Augusto dos Anjos

sábado, 29 de janeiro de 2011

Adeus,meus sonhos

Adeus, meus sonhos, eu pranteio e morro!
Não levo da existência uma saudade!
E tanta vida que meu peito enchia
Morreu na minha triste mocidade!

Misérrimo! votei meus pobres dias
À sina doida de um amor sem fruto...
E minh'alma na treva agora dorme
Como um olhar que a morte envolve em luto.

Que me resta, meu Deus?!... morra comigo
A estrela de meus cândidos amores,
Já que não levo no meu peito morto
Um punhado sequer de murchas flores! 
                   Álvares de Azevedo

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

E so um pouco!!!!



Hoje eu tava aki pensandooo!!!!!
Já toh de saco cheio d ouvir:"Ahhh,mas vc fica tão bonitinha de shortinho..."sim o adjetivo é esse mesmo..."shortinho"..
Ow puta que pariuu...me deixa em paz...Que parte de "EU NÃO GOSTO DE SHORTINHO"...o mundo não entendeu...
Porra será q para receber elogios eu tenho q sair por ai igual puta????
Sim o adjetivo é esse:puta.
Eu não gosto,não me sinto bem ok...e sei q isso acontece muito com quem se veste igual a mim...quem tem o direito de falar alguma coisa heinnn????
Eu sou esquisita sim...mas foda-se pra quem não gosta....o mundo perfeitinho tem q entender q o errado são vcs q nao tem coragem de assumir oq realment gostam....
Ah eu tbm qria agradecer as velinhas q durante a minha vida me pararam na rua pra falar q eu sou legal!!!!
Valeu....kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
E pra quem eh igual a mim...mandem um foda-se para todos...
E só isso ai!!!!
Valeuuuu

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Cyber Gothic

Cybergoth ou cyber goth, é uma subcultura derivada do cyberpunk, gótico, raver e rivethead.
Ao contrário dos góticos tradicionais, os cybergoths ouvem música eletrônica mais freqüentemente do que rock. Pode ser considerado um dos estilos mais excêntricos.

Embora o termo 'cybergoth' fosse dado em 1988 no Reino Unido, pela Games Workshop, por seu RPG Dark Future, o estilo da moda não surgiu até uma década depois.
O cybergoth combina elementos da música industrial, com um estilo conhecido como "graver".



O visual cybergoth é influenciado por filmes de ficção científica. Androginia é comum.
O estilo mistura roupas pretas com cores brilhantes, cores néon verde, vermelho, azul, cromo, ou rosa.
Materiais como borracha e PVC podem ser misturadas e combinadas em um esforço para criar uma aparência mais artificial.
Maquiagem com padrões cibernéticos, placas de circuitos LED, e óculos tipo aviador, normalmente usado na testa ou ao redor do pescoço.
Cabelos coloridos, às vezes com Dread Falls sintéticos, "CyberLox" (feito com um material conhecido como "Tubular Crin" e fiações elétricas) e "FoamFalls" (feitos com material EVA). Calças pretas apertadas e com fivelas, coletes, camisas rasgadas, Corsets em látex, máscaras de gás e botas plataforma.

Bandas Goticas

Esse post é para quem tah procuranopor bandas goticas...são algumas msmo..Com o tempo vou postando outras ok!!!!

Bauhaus
Sister of mercy
the cure
after forever
lacuna coil
siouxie
tristania
the sins of thy beloved
therion
Beseech
Lacrimas ProfundereTrail of tears
Xandria
For my pain
In perpetuum
noturna
epica
wolfshein
tears of blood
silent cry
Elis
mandragora scream
draconian
green carnation
nemesea
aina.
anbeon
chandeen
BATTLELORE
DELIGHT
DARGAARD
to/die/for
The Beauty Of Death
Trisomy
Luminaria
Clair De Lune Morte
Autumn Rain Melancholy
A Sorrowful Dream
Aenima
Aesma Daeva
Alas
Amaran
Battlelore
Blood Tears
Butterfly Messiah
Fear The Future
Flowing Tears
poisonblack
Season's End 
joy division
Vibeke Steine-ex tristania


Bandas de Dark Cabaret

Ola pessoas...nesse post vou colocar dicas de artistas de dark cabaret...
Amanda Palmer-the dressden dolls


  1. The Tiger Lillies
  2. Amanda Palmer 
  3. Jill Tracy 
  4. Vermillion Lies
  5. Katzenjammer Kabarett
  6. The Deadfly Ensemble
  7. Emilie Autumn 
  8. Voltaire
  9. Stolen Babies
  10. Hannah Fury
  11. Harlequin Jones 
  12. Rasputina 
  13. Dresden Dolls
  14. Cinema Strange
  15. Nicki Jaine
  16. Humanwine
  17. Devics
  18. Gitane DeMone
  19. Miranda Sex Garden
  20. Marc Almond
  21. Cold War Kids
  22. A Particularly Vicious Rumor 
  23. The Vincent Black Shadow
  24. ThouShaltNot 
  25. Ataraxia 
  26. Nora Keyes

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

EBM

EBM (Electronic Body Music) é um gênero musical, resultante da fusão do synthpop dos anos 80 com a música industrial, criando um estilo pesado e agressivo, porém amigável com as pistas de dança.
Em meados dos anos 80, o grupo belga Front 242 inventa o termo EBM (eletronic body music) para explicar o som que eles faziam. A música EBM consiste (mas não exclusivamente) de timbres eletrônicos, na grande maioria das vezes sintetizados, letras agressivas, batidas distorcidas e algumas vezes a utilização de instrumentos nada convencionais, como serras elétricas e furadeiras.
Vale ressaltar que embora considerados sinônimos as vezes, existe uma diferença entre Industrial e EBM, embora ambos os gêneros compartilhem a mesma raiz.
Como a maioria dos gêneros musicais alternativos, o EBM possui baixa popularidade.
Há várias culturas que são associadas a EBM, sendo as mais notáveis: Gótica, Rivethead, Punk e Skinhead
.

domingo, 23 de janeiro de 2011

Xandria-Vampire

Vampiro

As ruas são escuras, sombras rastejando-se das paredes
A poeira se movimenta e as luzes de neon chamam
Demônios e tolos e uma dama de preto
Ela é do tipo que não dorme à noite

Ela vê a presa e fica atenta
São tempos difíceis, mas ela não liga

Ela é um vampiro
Desejo mais escuro que preto
Ela é um vampiro
Alcança mais alto, não há como escapar
Suas asas são cortinas da noite
Ela desconhece o certo e errado

Mortos são os lugares onde essa deusa esteve
Fria é a pele que essa criatura viu
Seu universo é um oceano de sangue
Sua mesa de jantar é um berço de lama

Ela vê a presa e fica atenta
São tempos difíceis, mas ela não liga

A noite é cega, a senhorita está te chamando
Para estar com ela por toda a eternidade
Siga-a até que sua sede seja saciada
Uma mentira imortal, sangue

Não há saída, ela te paralisou

Você se despediria do sol?
E daria sua vida para nunca morrer?

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Lei wiccana

 

(Rede Wiccana)


A Lei Wiccana respeita,
Perfeito amor, confiança perfeita.
Viva e deixa viver,
Dá o justo para assim receber.
Três vezes o círculo traça
E assim o mal afasta.
E para firmar bem o encanto
Entoa em verso ou em canto.
Olhos brandos, toque leve,
Fala pouco, muito ouve.
Pelo horário a crescente se levanta
E a Runa da Bruxa canta.
Pelo anti-horário a minguante vigia
E entoa a Runa Sombria.
Quando está nova a lua da Mãe,
Beija duas vezes Suas mãos.
Quando a lua ao topo chegar,
Teu coração se deixará levar.
Para o poderoso vento norte,
Tranca as portas e boa sorte.
Do sul o vento benfazejo,
Do amor te traz um beijo.
Quando vem do oeste o vento,
Vêm os espíritos sem alento.
E quando do leste ele soprar,
Novidades para comemorar.
Nove madeiras no caldeirão,
Queima com pressa e lentidão.
Mas a árvore anciã, venera,
Se queimares, o mal te espera.
Quando a Roda começa a girar
É hora do fogo de Beltane queimar.
Em Yule, acende tua tora,
O Deus de chifres reina agora.
A flor, a erva, a fruta boa,
É a Deusa que te abençoa.
Para onde a água correr,
Joga uma pedra para tudo ver.
Se precisas de algo com razão,
À cobiça alheia não dá atenção.
E a companhia do tolo, melhor evitar,
Ou arriscas a ele te igualar.
Encontra feliz e feliz despede,
Um bom momento não se mede.
Da Lei Tríplice lembre também,
Três vezes o mal, três vezes o bem.
Quando quer que o mal desponte,
Usa a estrela azul na fronte.
Cultiva no amor a sinceridade,
Para receber igual verdade.
Ou um resumo, se assim preferes estar:
faz o que tu queres,
Sem nenhum mal causar. 


Ps:texto atual e texto anterioe sobre wicca tirado do site:circulo sagrado.com

Wicca


 

A Wicca é uma religião em que não existem livros sagrados, nem profetas a justificá-los, hierarquia ou dogmas. Não faz apelo a uma fé única e exclusiva, não tem mandamentos e promove acima de tudo o respeito e a diversidade. Não é também um sincretismo religioso porque vários sincretismos são possíveis. é uma escolha pessoal para aqueles que sentem que a sua percepção do sagrado não só não se enquadra nos esquemas tradicionais como é algo demasiado individual para se sujeitar a conjuntos de regras e crenças que outros determinaram.

As poucas regras existentes na Wicca têm um caráter essencialmente funcional e são vistas não como mandamentos de qualquer divindade ou profeta iluminado, mas como simples normas de relacionamento entre pessoas que partilham interesses comuns. São apenas alguns princípios genéricos ligados a valores ecológicos e individuais de largo consenso e à liberdade de expressão da religiosidade como é sentida e recriada por cada um. O seu espírito está bem patente na regra básica "Faz o que quiseres desde que não faças mal", a única regra que todos os membros da Wicca procuram seguir.

A Wicca tem a sua maior implantação nos países anglo-saxônicos, onde a longa tradição democrática e o Protestantismo permitem um maior individualismo - chamando a estes praticantes de Bruxos Solitários. E para além das práticas individuais, os wiccanos agrupam-se em pequenos núcleos, tradicionalmente de 13 pessoas - ao qual chamamos de Coven. Cada Coven possui as suas regras e tradições; e ainda podem juntar-se em grandes encontros. Nestes encontros estendem-se ao campo religioso os princípios de liberdade de expressão e de associação já há muito aplicados em outros setores da sociedade. Ao contrário de outras religiões e de outras organizações, não existe aqui uma estrutura hierárquica nem uma autoridade central.

Os wiccanos recomendam àqueles que buscam a Arte, que aceitem esses poucos princípios básicos:

 Nós praticamos ritos para nos alinharmos ao ritmo natural das forças vitais, marcadas pelas fases da Lua, e aos feriados sazonais.

 Nós reconhecemos que nossa inteligência nos dá uma responsabilidade única em relação a nosso meio ambiente. Buscamos viver em harmonia com a Natureza, em equilíbrio ecológico, oferecendo completa satisfação à vida e à consciência, dentro de um conceito evolucionário.

 Nós damos crédito a uma profundidade de poder muito maior que é aparente a uma pessoa normal. Por ser tão maior que ordinário, é às vezes chamado de "sobrenatural", mas nós o vemos como algo naturalmente potencial a todos.

 Nós vemos o Poder Criativo do Universo como algo que se manifesta através da Polaridade - como masculino e feminino - e que ao mesmo tempo vive dentro de todos nós, funcionando através da interação das mesmas polaridades masculina e feminina.

 Não valorizamos um acima do outro, sabendo serem complementares.

 Nós reconhecemos ambos os mundos exterior e interior, ou mundos psicológicos - às vezes conhecidos como Mundo dos Espíritos, Inconsciente Coletivo, Planos Interiores, etc. - e vemos na interação de tais dimensões a base de fenômenos paranormais e exercício mágico.

 Não negligenciamos qualquer das dimensões, vendo ambas como necessárias para nossa realização.

 Nós não reconhecemos nenhuma hierarquia autoritária, mas honramos aqueles que ensinam, respeitamos os que dividem maior conhecimento e sabedoria, e admiramos os que corajosamente deram de si em liderança.

 Nós vemos religião, mágica, e sabedoria como sendo unidas na maneira em que se vê o mundo e se vive nele - uma visão de mundo e filosofia de vida, que identificamos como Bruxaria ou o Caminho Wiccano.

 Chamar-se "Bruxo" não faz de você um Bruxo - assim como a hereditariedade, ou a coleção de títulos, graus e iniciações.

 Um Bruxo busca controlar as forças interiores, que tornam a vida possível, de modo a viver sabiamente e bem, sem danos a outros e em harmonia com a Natureza.

 Nós reconhecemos que é a afirmação e satisfação da vida, em uma continuação de evolução e desenvolvimento da consciência, que dá significado ao Universo que conhecemos, e a nosso papel pessoal dentro do mesmo.

 Nossa única animosidade acerca da Cristandade, ou de qualquer outra religião ou filosofia, dá-se pelo fato de suas instituições terem clamado ser "o único verdadeiro e correto caminho", e lutado para negar liberdade a outros, e reprimido diferentes modos de prática religiosa e crenças.

 Não nos sentimos ameaçados por debates a respeito da História da Arte, das origens de vários termos, da legitimidade de vários aspectos de diferentes tradições.

 Somos preocupados com nosso presente e com nosso futuro.

 Nós não aceitamos o conceito de "mal absoluto", nem adoramos qualquer entidade conhecida como "Satã" ou "o Demônio" como defendido pela Tradição Cristã.

 Não buscamos poder através do sofrimento de outros, nem aceitamos o conceito de que benefícios pessoais só possam ser alcançados através da negação de outros.

 Trabalhamos dentro da Natureza para aquilo que é positivo para nossa saúde e bem estar.
Os minutos passam vagarosamente
A noite me persegue.
Esse sangue que desce por toda sua face pálida,mostra seus sentimentos

Ó querida dama,mostre me todas as suas dores,seus males.
Nessa noite a lua ilumina toda a sua face,
ilumina seus sentimentos

Os túmlos te aconchegam,
voce clama pela eternidade
Anjos choram
E tua alma pede por redenção.

domingo, 16 de janeiro de 2011

Show do Ozzy no brasil

O cantor inglês Ozzy Osbourne em foto de divulgação
 Puta q pariuuu!!!!
Show do ozzy...otimo....mas ow acho uma putaria o preço dos ingressos...q isso....assim so os playboy q gosta de axe e o pai banca  as farras de fim de semana q vão poder ir!!!!
 
 
30 de março: Porto Alegre, local a ser definido
02 de abril: São Paulo, na Arena Anhembi 
05 de abril: Brasília, local a ser definido
07 de abril: Rio de Janeiro, no Citibank Hall
09 de abril: Belo Horizonte, local a ser definido
 
OZZY OSBOURNE EM SP
 
Quando: 02/04/2011, a partir das 21h30
Onde: Arena Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1.209, Anhembi Parque, Santana)
Quanto: R$ 200 (pista) e R$ 600 (pista premium) --há meia-entrada para os dois setores em cota limitada a 30% da capacidade do local, que é de 35 mil pessoas
Ingressos: clientes Credicard, Citibank e Diners exclusivo entre 19 e 25/11; público em geral a partir de 26/11 pelo telefone 4003-0848 (válido para todo o país a parrtir das 9h), pelo site www.ticketsforfun.com.br (a partir da meia-noite), nos pontos de vendas espalhados pelo Brasil (a partir das 10h), bilheteria oficial no estacionamento anexo ao Credicard Hall (Av. das Nações Unidas, 17.981, Santo Amaro)
Censura: 16 anos; jovens entre 12 e 16 anos podem entrar acompanhados de pais ou responsáveis
 
OZZY OSBOURNE NO RIO
 
Quando: 07/04/2011, a partir das 21h30
Onde: Citibank Hall (Av. Ayrton Senna, 3000, Shopping Via Parque, Barra da Tijuca)
Quanto: R$ 200 (pista), R$ 300 (poltronas), R$ 500 (pista premium) e R$ 600 (camarotes) --há meia-entrada para todos os setores
Ingressos: clientes Credicard, Citibank e Diners exclusivo entre 19 e 25/11; público em geral a partir de 26/11 pelo telefone 4003-0848 (válido para todo o país a parrtir das 9h), pelo site www.ticketsforfun.com.br (a partir da meia-noite), nos pontos de vendas espalhados pelo Brasil (a partir das 10h), bilheteria oficial no Citibank Hall (Av. Ayrton Senna, 3000, Shopping Via Parque, Barra da Tijuca)
Censura: 16 anos; jovens entre 12 e 16 anos podem entrar acompanhados de pais ou responsáveis
 
 
 

Shows de metal 2011

Emilie Autumn

                                                 

Emilie Autumn Liddell nasceu em 22 de Setembro de 1979 em Malibu, Califórnia. Sua família não era tradicionalmente de músicos, contudo sempre tiveram um grande respeito por todos os gêneros musicais, garantindo então que esta tivesse uma grande importância para Emilie desde criança. Aos quatro anos ela começou seu treino no violino. Seis anos mais tarde, se inscreveu na Escola de Performances Artísticas Colbourn, onde ela começou a experimentação com improvisos, inspirada pelo renomado violinista Nigel Kennedy.
Em 2003 ela afirmaria que "comia, dormia e respirava suas gravações, muito pela grande e usualmente notada decepção dos (seus) professores". Devido a segracação e bullying por seus companheiros escolares, Emilie logo abandonou a maneira convencional de estudo, preferindo continuar suas aulas de música em casa, enquanto lia "tudo que estiver em baixo do Sol, desde história musical à literatura feminista à Shakespeare. Aos quinze anos, Emilie conseguiu uma vaga na prestigiada Escola Universitária de Música de Indiana, em Bloomington, Indiana, mas abandonou após dois anos devido conflitos das autoridades universitárias contra seu gosto por música e vestimentas pouco ortodóxos.
Emilie tem sua própria gravadora independente, a Trisol Music Group, por onde lançou seus quatro álbuns: Enchant (2003), Opheliac (2006), A Bit O' This & That (2007) e 4 O'CLOCK. Ao todo Emilie tem em torno de 58 músicas gravadas e lançadas em seus discos, desde composições a regravações. Algumas das músicas mais famosas de Emilie são: "Gothic Lolita", "I Know Where You Sleep", "Opheliac", "Swallow" e seus remixes.

Discografia

Álbums

  • Enchant (2003, re-relançado em 2007)
  • Your Sugar Sits Untouched (2005, CD e livro de poesia)
  • Opheliac (2006)
  • Laced/Unlaced (2007)
  • A Bit O' This & That (2007)

EPs e singles

  • Opheliac EP (2006, preview EP)
  • Liar/Dead Is the New Alive (2007)
  • 4 o'Clock (2008)
  • Girls Just Wanna Have Fun & Bohemian Rhapsody Double Feature EP (2008)

Edições Especiais

  • Opheliac (Digipak)
  • Liar/Dead Is the New Alive (Digipak)
  • Laced/Unlaced (Double CD e livro de fotos)
  • Enchant (CD e livro de fotos digitais)
  • A Bit O' This & That (CD e livro de fotos digitais)
  • 4 o'Clock (Digipak)
  • Girls Just Wanna Have Fun & Bohemian Rhapsody Double Feature EP (Digipak)
  • Opheliac -- The Deluxe Edition

Contribuições

  • Backing vocal e violino no álbum America's Sweetheart (2003) de Courtney Love
  • Backing vocal e violino no álbum The Future Embrace (2004) de Billy Corgan
  • Violino na música "Dethharmonic" do Dethklok (2007)
  • Música "Organ Grinder" na esdição européia da trilha-sonora de Saw III
  • Versão remix de "Dead Is The New Alive" ne versão internacional da trilha-sonora de Saw IV
  • Violino na música "UR A WMN NOW" no quarto álbum do OTEP, "Smash the Control Machine" (2009) 
  •                                                

Malleus Maleficarum

O “Martelo das Feiticeiras”, é provavelmente o tratado mais importante que foi publicado no contexto da perseguição da bruxaria do Renascimento. Trata-se de um exaustivo manual sobre a caça às bruxas, publicado primeiramente na Alemanha em 1487, e que logo recebeu dezenas de novas edições por toda a Europa, provocando um profundo impacto nos juízos contra as bruxas no continente por cerca de 200 anos. A obra é notória por seu uso no período de histeria da caça às bruxas, que alcançou sua máxima expressão entre o início do século XVI e meados do século XVII.
O Malleus Maleficarum foi compilado e escrito por dois inquisidores dominicanos, Heinrich Kraemer e James Sprenger. Os autores fundamentavam as premissas do livro com base na bula Summis desiderantes, emitida pelo Papa Inocêncio VIII em 5 de dezembro de 1484, o principal documento papal sobre a bruxaria. Nela, Sprenger e Kramer são nomeados (Iacobus Sprenger e Henrici Institoris) para combater a bruxaria no norte da Alemanha, com poderes especiais.
Kramer e Sprenger apresentaram o Malleus Maleficarum à Faculdade de Teologia da Universidade de Colônia (Alemanha), em 9 de maio de 1487, esperando que fosse aprovado.
Entretanto, o clero da Universidade o condenou, declarando-o tanto ilegal como antiético. Kramer, porém, inseriu uma falsa nota de apoio da Universidade em posteriores edições impressas do livro. A data de 1487 é geralmente aceita como a data de publicação, ainda que edições mais antigas da obra tenham sido produzidas em 1485 ou 1486. A Igreja Católica proibiu o livro pouco depois da publicação, colocando-o na Lista de Obras Proibidas (Index Librorum Prohibitorum). Apesar disso, entre os anos de 1487 e 1520, a obra foi publicada 13 vezes. Entre 1574 e a edição de Lyon de 1669, o Malleus recebeu um total de 16 novas reimpressões.
A suposta aprovação inserida no início do livro contribuiu para sua popularidade, dando-lhe a impressão de que havia recebido um respaldo oficial. O texto chegou a ser tão popular que vendeu mais cópias que qualquer outra obra, à exceção da Bíblia, até a publicação d'El Progreso del Peregrino, de John Bunyan, em 1678.
Os efeitos do Malleus Maleficarum se espalharam muito além das fronteiras da Alemanha, provocando grande impacto na França e Itália, e, em grau menor, na Inglaterra.
Embora a crença popular consagrasse o Malleus Maleficarum como o clássico texto católico romano, no que cabia à bruxaria, a obra nunca foi oficialmente usada pela Igreja Católica. Kramer foi condenado pela Inquisição em 1490, e sua demonologia considerada não acorde com a doutrina católica . Porém, seu livro continuou sendo publicado, sendo usado também por protestantes em alguns de seus julgamentos contra as bruxas.
No Brasil foi publicado pela editora Três em 1976 com o título "MANUAL DA CAÇA ÀS BRUXAS (Malleus Maleficarum)" e posteriormente pela editora Rosa dos Tempos com o título "O Martelo das Feiticeiras".
Em sua introdução, é exposta uma linha de transformações acerca das crenças míticas-religiosas que foram se sobrepondo a partir dos tempos. A relação dessas concepções e de crenças tem vinculo intimo com o papel que a mulher vem representando em toda a História da humanidade.

Jogo do labirinto

Joguem ai e depois comentem o que acharam!!!!

sábado, 15 de janeiro de 2011

                                                                         Shell modification

http://www.crystalxp.net/galerie/en.id.557-shell-modification-for-crystal-dlb-be-neil-visual-styles.htm

Visual styles para windows xp


Royale noir   http://www.crystalxp.net/galerie/en.id.969-royale-noir-microsoft-visual-styles.htm                                                                                       



Minha Hermana....

Hoje eu resolvi falarda pessoa q eu mais amo no mundo....minha hermana...
Ela me faz muito bem...e pensar q quando a gente era pequena a gente se espancava....kkkkkkkkkk.........
Eh bom lembrar da pessoa q me da apoio em tudo q eu faço....q tem as caras de enfrentar o mundo dom a cabeça erguida sem medo de nada....
Tah bom q ela sempre me engana dizendo q ia arrumar a cozinha e lavar a panela da pipoca e isso nunca acontecia....tah bom q qndo pequena ela me batia e dpois se beliscava,e me chantageava falando q ia por a culpa em mim se eu falasse com a minha mãe..kkkkkkk...
Ow e meu tamagush vermelho q ela jogou fora so pq tava com raiva de mim...kkkkkk...eu descobri a pouco tempo...mas tudo bem...ah tbm teve o cd q ela arranhou com o prego(detalhe:o cd era emprestado...).

Ninguem dança melhor o cowboy fora da lei do raul seixas do q ela....e ninguem dança forro melhor com a porta do guarda roupa...kkkkk....

Ela é a melhor em tudo q ela faz...a filosofa e atriz mais linda!!!

E o primeiro episodio das chiquititas.....kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk....ela nem acreditou...mas deixa quieto isso ai....kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Ah eu espero q ela consiga entender os filmes agora pq era muito dificil ter q explicar oq nem eu mesma ainda tinha visto!!!!

Bom se eu for ficar aki falando nunk vou terminar,então fica ai uma pqna demonstraçao do meu amor por essa hippie girl linda!!!


HERMANAAAAA TE AMUUUU!!!!!!

deboga minha irma linda

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Otep

A banda foi formada em Los Angeles em meados de 2000. Após oito meses, uma apresentação assistida por Sharon Osbourne e Ozzy Osbourne foi o suficiente para a banda participar no terceiro palco do Ozzfest em 2001, antes mesmo de ter contrato com uma gravadora. A banda também participou do festival em 2002 e 2004. O som experimental da banda foi logo descrito como nu metal. Baseado em sua apresentação, o grupo fechou contrato com a Capitol Records, resultando no álbum de estréia Sevas Tra (2002). Na época a banda consistia da vocalista Otep Shamaya, do guitarrista Lee Rios, do baterista Doug Pellerin e do baixista Evil J McGuire.
Seu segundo álbum, House of Secrets, foi produzido por Greg Walls (que também trabalhou com os Deftones) no Rocket Carousel Studios em Los Angeles, e lançado no final de 2003.
No final de 2006 a banda estava em turnê pela América do Norte promovendo seu terceiro álbum.

Membros atuais

  • Otep Shamaya - vocal (2000-presente)
  • Evil J. McGuire - baixo (2000-presente)
  • Rob Patterson - guitarra (2001 a 2003, 2009-presente)
  • Mark "Moke" Bistany - bateria (2000 a 2003, 2009-presente)


Álbuns

  • 2002: Sevas Tra
  • 2004: House of Secrets
  • 2007: The Ascension
  • 2009: Smash The Control Machine

EPs


  • 2001: Jihad
  • 2005: Wurd Becomes Flesh

 


Walls of jericho

Walls of Jericho é uma banda de metalcore dos Estados Unidos formada em 1998 em Detroit, Michigan. O som mistura um rítmo hardcore com o vocal nervoso de Candace Kucsulain além de pegadas de thrash metal. A gravadora atual da banda é a Trustkill Records, uma gravadora renomada que atua principalmente nos segmentos metalcore e hardcore. Em 2001 a banda resolveu dar um tempo após tentativas frustradas de substituir o agora ex-baterista que perderam para uma banda de maior renome.

Integrantes Atuais

  • Candace Kucsulain - vocal
  • Chris Rawson - guitarra
  • Mike Hasty - guitarra
  • Aaron Ruby - baixo
  • Dustin Schoenhofer - bateria (2004-presente)

Álbuns de estúdio

  • 2000 - The Bound Feed the Gagged
  • 2004 - All Hail the Dead
  • 2006 - With Devils Amongst Us All
  • 2008 - The American Dream

EPs

  • 1999 - A Day and a Thousand Years
  • 2008 - Redemption

Magica

Magica é uma banda de power metal romena formada na cidade de Constanţa em 2002.

Membros:
Ana Mladinovici - vocal,
Bogdan Costea - guitarra,
6fingers - teclado,
Sorin Vlad - baixo,
Hertz - bateria

Álbuns

  • 2002 - The Scroll of Stone
  • 2003 - The Scroll of Stone
  • 2004 - Lightseeker
  • 2007 - Hereafter
  • 2008 - Wolves & Witches





quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Sarah Jezebel Deva-Bitch

I hate the world today
You're so good to me
I know but I can't change
Tried to tell you but you look at me like maybe
I'm an angel underneath, innocent and sweet
Yesterday I cried
You must have been relieved to see the softer side
I can understand how you'd be so confused
I don't envy you
I'm a little bit of everything
All rolled into one
I'm a bitch, I'm a lover
I'm a child, I'm a mother
I'm a sinner, I'm a saint
I do not feel ashamed
I'm your hell, I'm your dream
I'm nothing in between
You know you wouldn't want it any other way
So take me as I am
This may mean you'll have to be a stronger man
Rest assured that when I start to make you nervous
And I'm going to extremes
Tomorrow I will change
And today won't mean a thing
I'm a bitch, I'm a lover
I'm a child, I'm a mother
I'm a sinner, I'm a saint
I do not feel ashamed
I'm your hell, I'm your dream
I'm nothing in between
You know you wouldn't want it any other way
Just when you think you've got me figured out
The season's already changing
I think it's cool you do what you do
And don't try to save me
I'm a bitch, I'm a lover
I'm a child, I'm a mother
I'm a sinner, I'm a saint
I do not feel ashamed
I'm your hell, I'm your dream
I'm nothing in between
You know you wouldn't want it any other way
I'm a bitch, I'm a tease
I'm a goddess on my knees
When you hurt, when you suffer
I'm your angel undercover
I've been numbed, I'm revived
Can't say I'm not alive
You know I wouldn't want it any other way

Gerador de nomes mafiosos

Aqui é para nomes de mafiosos.

http://gangstaname.com/mafia_name.php

Gerador de nomes de piratas

Aqui é para nomes de piratas.

http://gangstaname.com/pirate_name.php

Gerador de nomes de fadas

Aqui é para nomes de fadas.

http://www.emmadavies.net/fairy/

Gerador de nome de vampiro

Aqui é um gerador de nomes vampiricos.

http://www.emmadavies.net/vampire/

Gerador de nome gótico


Aqui o seu nome é transformado no seu nome gotico.

domingo, 9 de janeiro de 2011

Gothic Metal

Gothic metal (também conhecido como goth metal ou metal gótico) é um gênero do heavy metal que evoluiu do doom metal, e caracteriza-se por seu clima melancólico e um enfoque sombrio em temas como religião, sexualidade e morte. A maioria das bandas do gênero utilizam elementos da música erudita como coros e orquestras (produzidos, na maioria das vezes, por sintetizadores) e vocais líricos. O gothic metal está totalmente relacionado aos mais variados gêneros que existem dentro do cenário heavy metal. Mesmo possuindo uma certa influência do rock gótico dos anos 1970 e 80, o gothic metal não é de forma alguma um tipo de música gótica, pelo fato da subcultura gótica nunca ter tido nenhuma relação com o metal. Por essas e outras razões, discursos como "não existe gothic metal" já estão se tornando comuns nos dias de hoje. O gothic metal de fato existe, levando-nos a refletir se a origem do problema é realmente uma taxonomia musical. O termo foi cunhado por Nick Holmes, vocalista do paradise lost e o álbum Icon lançado em 1993 pela banda, já apresentava essa sonoridade.

Dark Cabaret

Dark Cabaret é uma concepção de música com influências do cabaret germânico, do burlesque, de vaudeville, do punk e de outros estilos relacionados.
O termo "Dark Cabaret" é aplicado para um grande número de bandas que também podem cair em gêneros como Punk Cabaret, Punk Opera, Neo-Burlesque, Vaudeville, Neo-Folk, Apocalyptic Folk, Psych Folk, entre outros. As mudanças e misturas desse gênero podem tornar difícil a tarefa de definir o gênero das bandas influenciadas pelo Dark Cabaret.
O Dark Cabaret é caracteristicamente dirigido por piano e por intensos vocais femininos ou masculinos influenciados pelo estilo de Kurt Weill, Marlene Dietrich, Alexander Vertinsky, Cole Porter, Danny Elfman, Nina Hagen, PJ Harvey, Tom Waits, Tom Lehrer, Nick Cave, e até mesmo de Roxy Music/Brian Eno. A música tambem pode se basear em outro instrumento, como cello, violino, acordeão ou trompete. O Dark Cabaret pode ser descrito como uma fusão das estéticas do cabaret e do gótico.

Depressive Black Metal

É o estilo mais depressivo do black metal. Contêm harmonia simples, porém, muito profunda e triste, uma melodia quase que inerte, entretanto, impactante. suas letras abordam: Suicídio, auto mutilação, sofrimento, dor, desespero entre outros elementos, seja sentimentais ou não. Este estilo também pode ser encontrado no Dark ambient, porém é muito mais sombrio e mórbido. Tão profundo que recomenda-se ouvir bandas de Depressive Black Metal sozinho, pois seus acordes e palhetadas mórbidas levam o ouvinte a um momento de reflexão profunda. Bandas como: Xasthur, Anti, When Mine Eyes Blacken, Thy Light etc, e também referindo as mais conhecidas por começarem o género, como Strid, e mais tarde Silencer e Abyssic Hate são exemplos de bandas que tocam o metal extremo com ideologia DBM (ou DSBM, Depressive Suicidal Black Metal, como é mais conhecido). Existem algumas músicas que são rápidas e agressivas, mas em geral, as musicas são lentas e com um vocal desesperado refletindo todos seus alicerces suicidas e depressivos.
Também ligado ao anti-humanismo, auto mutilação, o depressive black metal faz de si mesmo um estilo agressivo e ao mesmo tempo depressivo, músicas que nos faz perceber que a vida não passa de uma ilusão, e que a morte é o caminho para acabar com as ilusões. O depressive black metal não fala de religião, como se vê no Black Metal, ele fala apenas sobre o que vai na alma, a tristeza, a solidão, não abordando o satanismo.
O visual de um depressive blackmetaller não se diferencia muito dos demais estilos do black metal.Geralmente vestem-se como os troll(troll é uma criatura mística que habita as florestas da Noruega,e também como eram chamados os guerreiros Vikings,mas hoje em dia "troll" é usado para fans do Black Metal norueguês),mas também misturam seu visual como os Darks dos anos 70 e 80 (que tiveram muita influencia do gothic metal),assim podem as vezes serem confundidos com gothicos.
Em geral, o Depressive Black metal é mais gritado do que cantado, pois o grito mostra a dor que cada vocalista carrega. O seu isolamento, sua infância infeliz, amores perdidos, rejeições amorosas, perda de pessoas, geram seus sentimentos mais deprimentes e depressivos.

Aleister Crowley

Aleister Crowley, nascido Edward Alexander Crowley (12 de Outubro de 1875 - 1 de Dezembro de 1947), foi um membro da Ordem Hermética da Aurora Dourada e influente ocultista britânico, responsável pela fundação da doutrina Thelema. Ele é o co-fundador da A∴A∴ e eventualmente um líder da Ordo Templi Orientis (O.T.O.). Ele é conhecido hoje em dia por seus escritos sobre magia, especialmente o Livro da Lei, o texto sagrado e central da Thelema, apesar de ter escrito sobre outros assuntos esotéricos como magia cerimonial e a cabala.
Crowley também era um hedonista, usuário recreacional de drogas, e crítico social. Em muita de suas façanhas ele "iria contra os valores morais e religiosos do seu tempo", defendendo o libertarianismo baseado em sua regra de "Faz o que tu queres". Por causa disso, ele ganhou larga notoriedade em sua vida, e foi declarado pela imprensa do tempo como "O homem mais perverso do mundo." Além de suas atividades esotéricas, ele era também um premiado jogador de xadrez, um alpinista, poeta, dramaturgo e foi alegado que ele também era um espião para o governo britânico.
Em 2002, uma enquete da BBC descrevia Crowley como sendo o septuagésimo terceiro maior britânico de todos os tempos, por influenciar e ser referenciado por numerosos escritores, músicos e cineastas, incluindo Jimmy Page, Alan Moore, Ozzy Osbourne, Raul Seixas, Marilyn Manson, e Kenneth Anger. Ele também foi citado como influência principal de muitos grupos esotéricos e de individuais na posterioridade, incluindo figuras como Kenneth Grant, Gerald Gardner e Amado Crowley.

Erzsébet Báthory

Erzsébet Báthory (7 de agosto de 1560 - 21 de agosto de 1614), em português Elisabete ou Isabel Báthory, foi uma condessa húngara da renomada família Báthory que entrou para a História por uma suposta série de crimes hediondos e cruéis que teria cometido, vinculados com sua obsessão pela beleza. Como consequência, ela ficou conhecida como "A condessa sangrenta" e "A condessa Drácula".
Erzsébet Báthory nasceu em Nyírbátor, que então fazia parte do Reino da Hungria, território hoje pertencente à República Eslovaca. A maior parte de sua vida adulta foi passada no Castelo Čachtice, perto da cidade de Vishine, a nordeste do que é hoje Bratislava, onde a Áustria, a Hungria e a Eslováquia se juntam.
Vaidosa e bela, Erzsébet ficou noiva do conde Ferencz Nádasdy aos onze anos de idade, passando a viver, no castelo dos Nádasdy, em Sárvár. Em 1574, ela engravidou de um camponês quando tinha apenas 13 anos. Quando sua condição se tornou visível, escondeu-se até a chegada do bebê. O casamento ocorreu em maio de 1575. O conde Nadasdy era militar e, frequentemente, ficava fora de casa por longos períodos. Nesse meio tempo, Erzsébet assumia os deveres de cuidar dos assuntos do castelo da família Nadasdy. Foi a partir daí que suas tendências sádicas começaram a revelar-se - com o disciplinamento de um grande contingente de empregados, principalmente mulheres jovens.
À época, o comportamento cruel e arbitrário dos detentores do poder para com os criados era comum; o nível de crueldade de Erzsébet era notório. Ela não apenas punia os que infringiam seus regulamentos, como também encontrava todas as desculpas para infligir castigos, deleitando-se na tortura e na morte de suas vítimas. Espetava alfinetes em vários pontos sensíveis do corpo das suas vítimas, como, por exemplo, sob as unhas. No inverno, executava suas vítimas fazendo-as se despir e andar pela neve, despejando água gelada nelas até morrerem congeladas.
O marido de Báthory juntava-se a ela nesse tipo de comportamento sádico e até lhe ensinou algumas modalidades de punição: o despimento de uma mulher e o cobrimento do corpo com mel, deixando-o à mercê de insetos.
O conde Nádasdy morreu em 1604, e Erzsébet mudou-se para Viena após o seu enterro. Passou também algum tempo em sua propriedade de Beckov e no solar de Čachtice, ambos localizados onde é hoje a Eslováquia. Esses foram os cenários de seus atos mais famosos e depravados.
Nos anos que se seguiram à morte do marido, a companheira de Erzsébet no crime foi uma mulher de nome Anna Darvulia, de quem pouco se sabe a respeito. Quando Darvulia adoeceu, Erzsébet se voltou para Erzsi Majorova, viúva de um fazendeiro local, seu inquilino. Majorova parece ter sido responsável pelo declínio mental final de Erzsébet, ao encorajá-la a incluir algumas mulheres de estirpe nobre entre suas vítimas. Em virtude de estar tendo dificuldade para arregimentar mais jovens como servas à medida que os rumores sobre suas atividades se espalhavam pelas redondezas, Erzsébet seguiu os conselhos de Majorova. Em 1609, ela matou uma jovem nobre e encobriu o fato dizendo que fora suicídio.
Escritores posteriores retomariam a história, acrescentando alguns detalhes. Duas histórias ilustram as lendas que se formaram em torno de Erzsébet Báthory, apesar da ausência de registros jurídicos sobre sua vida e das tentativas de remover qualquer menção a ela na história da Hungria:
* Diz-se que certo dia a condessa, já sem a frescura da juventude, estava a ser penteada por uma jovem criada, quando esta puxou os seus cabelos acidentalmente. Erzsébet virou-se para ela e espancou-a. O sangue espirrou e algumas gotas caíram na sua mão. Ao esfregar o sangue, pareceu-lhe que estas a rejuvenesciam. Foi após esse incidente que passou a banhar-se em sangue humano. Reza a lenda que, em um calabouço, existia uma gaiola pendurada no teto construída com lâminas, ao invés de barras. A condessa se sentava em uma cadeira embaixo desta gaiola. Então, era colcoado um prisioneiro nesta gaiola e um guarda espetava e atiçava o prisioneiro com uma lança comprida. Este se debatia, o que fazia com que se cortasse nas lâminas da gaiola, e o sangue resultante dos cortes banhava Erzsébet.
* Uma segunda história refere-se ao comportamento de Erzsébet após a morte do marido, quando se dizia que ela se envolvia com homens mais jovens. Numa ocasião, quando estava na companhia de um desses homens, viu uma mulher de idade avançada e perguntou a ele: "O que farias se tivesses de beijar aquela bruxa velha?". O homem respondeu com palavras de desprezo. A velha, entretanto, ao ouvir o diálogo, acusou Erzsébet de excessiva vaidade e acrescentou que a decadência física era inevitável, mesmo para uma condessa. Diversos historiadores têm relacionado a morte do marido de Erzsébet e esse episódio com seu receio de envelhecer.
* Hoje, tambem existe o relato de simplesmente a condessa Erzsébet ter sido vitima da ambição humana, não havendo provas sucifientes, pode ter sido ela uma simples acusada de algo não feito.